Fábio Dantas diz que governadora Fátima não tem objetividade

“Falta objetividade”. Essa é declaração do ex-vice-governador Fábio Dantas(PSB), crítico das ações nada eficientes da governadora Fátima Bezerra (PT). “Acabar com os supersalários e estabelecer o salário do governador como teto para o servidor público, seria um bom começo” , defendeu, segundo o blog Pinga Fogo, do jornalista Alexandre Cavalcanti.

Ele classificou como “bobagens”, as declarações do presidente do Ipern, na televisão, segundo as quais, seria necessário abrir postos fiscais e combater a sonegação. “É muito preocupante. As idéias desse povo não são objetivas e certamente vão agravar ainda mais o déficit do Estado, provocando um caos ainda maior em nosso Rio Grande do Norte”, destacou.

Dantas vai ainda mais longe: “Esse pessoal fica falando em ideia de direita, idéia de esquerda. Não sei nem o que é isso. Só acredito em soluções. Nosso problema não é arrecadar mais. Arrecadamos mais que Paraíba. O nosso problema está na despesa”, concluiu.

Garibaldi é cotado para prefeito de Natal pelo MDB

O senador derrotado depois de três mandatos Garibaldi Alves Filho, está ainda em turnê pela Europa e o desejo do MDB é que ele como a principal expressão eleitoral do partido potiguar, quando retornar da viagem de lazer, aceite ser o candidato a prefeito de Natal nas eleições de 2020, segundo o jornalista Alexandre Cavalcanti, do blog Pinga Fogo, no portal Nominuto.

O MDB que já teve dois dos três senadores, o governador do Estado, a maior bancada de deputados federais e uma expressiva bancada na Assembléia Legislativa, conta hoje com apenas um deputado federal e dois estaduais.

-Garibaldi Filho seria o começar de novo de um partido que já foi o maior do Estado”, disse um pemedebista histórico. “Garibaldi tem a responsabilidade de não deixar o MDB desaparecer”.

-E não apenas isso, continua o bacurau histórico. Garibaldi foi o primeiro prefeito de Natal – na redemocratização – e foi um excelente prefeito. Depois disso, foi eleito sucessivamente senador e Governador do Estado”, concluiu.

Hapvida é condenada a pagar indenização por danos morais em Mossoró

O juiz Flávio César Barbalho de Mello, da 3ª Vara Cível da Comarca de Mossoró, condenou o plano de saúde Hapvida a pagar indenização por danos morais, por não indeferirem o tratamento de uma criança que sofre de Transtorno específico do desenvolvimento motor CID F82.

A paciente necessita, dentre outros tratamentos, de sessões de terapia ocupacional. A parte demandante alegou que o tratamento foi realizado normalmente entre 2013 e março de 2016, quando o plano indeferiu as sessões, alegando que, de acordo com a Resolução Normativa 387/2015, que limitava o número de sessões em até 12 anuais. Atualmente esse limite foi redefinido para 20 sessões, de acordo com a resolução 428/2017.

O juiz alegou que “a saúde é um bem relevante à vida e à dignidade da pessoa humana, e foi erigida pela Constituição Federal à condição de direito fundamental, não podendo ser, portanto, caracterizada como simples mercadoria nem ser confundida com outras atividades econômicas”. Flávio César também citou o artigo 51, inciso IV, do Código de Defesa do Consumidor, que propõe a nulidade de cláusulas contratuais abusivas, que exponham o consumidor à desvantagem exagerada.

Entendendo isso, o juiz Flávio César condenou o plano de saúde a restituir os valores pagos pela autora do processo pelas sessões de fisioterapia que não foram autorizadas pelo plano, no valor de R$ 240,00 além da indenização por danos morais no valor de R$ 10 mil.

Servidores criticam suspensão de licença-prêmio por Fátima Bezerra

Janeayre Souto: Fórum de Servidores exige que as parcelas em atraso sejam tratadas imediatamente

Os servidores públicos do Rio Grande do Norte terão reunião nesta terça-feira (22) para discutir o pagamento dos salários atrasados e o decreto publicado pela governadora Fátima Bezerra suspendendo o gozo e pagamento das licenças-prêmio aos funcionários do Estado. O Fórum Estadual dos Servidores agendou reunião para as 15h, na sede do Sindifern, onde vão debater a situação.

Atualmente, o Governo do Estado deve o pagamento de parte de novembro, dezembro, o 13º de 2018 e parte do de 13º de 2017 a uma parcela dos servidores públicos. Até o momento, não há a confirmação por parte do Executivo sobre como será realizada a quitação dos débitos. Os servidores, por outro lado, têm se posicionado contra um possível parcelamento.

“Somos contrários a qualquer tipo de parcelamento e nem cogitamos a hipótese de aceitar essa possibilidade”, disse  a presidente do Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público da Administração Direta do RN (Sinsp), Janeayre Souto.

A sindicalista, inclusive, disse que a medida afronta os servidores e não será admitida pela categoria. “Não aceitamos (o decreto) de maneira alguma. Tem servidor que deu entrada há um ano e está aguardando a licença. Não fomos nós servidores que construimos a crise. Não vamos aceitar que ela seja colocada no colo dos servidores, nem que o Governo use os servidores para pagar essa conta. Não somos servidores de gestão, somos servidores do estado. Elegemos o Governo para governar o Estado, e governar é resolver os problemas. Não foi eleito para massacrar, ou punir”, disse a sindicalista. Com informações da Tribuna do Norte

Petistas de Assú comemoram boquinha, enquanto outros ‘chupam o dedo’

Os petistas petroleiros assuenses Luiz Carlos e Sá Cachina, que ganharam uma boquinha para cada um no governo da professora Fátima Bezerra, na Secretaria Estadual de Saúde Pública – SESAP, ainda festejam e comemoram a nomeação para importantes cargos, esquecendo seus aliados em Assu que estão chupando o dedo e que também apoiaram a deputada federal Natália Bonavides, do PT

A dupla não tem movida uma palha pelos companheiros que também estão condenados a ficar reféns do prefeito do Assu Gustavo Soares, a aceitarem uma boquinha na Prefeitura do Assú, após fechar uma aliança política com o líder do governo do PT e deputado estadual George Soares, para a disputa nas eleições de 2020 para prefeito da cidade, indicando inclusive o candidato a vice-prefeito do partido.

Os dois petistas cruzaram os braços na luta para nomeações de companheiros para outros cargos comissionados principalmente em Assú principalmente para a direção geral do Hospital Regional Dr Nelson Inácio, deixando o deputado George Soares, vetar nomes e participar ativamente na escolha dos futuros diretores da unidade de saúde que deve ser o novo birô eleitoral do parlamentar do PR.

Governo de Fátima acusa empresários do RN de sonegação milionária

Carlos Eduardo Xavier, Secretário estadual de Tributação

O secretário estadual da Tributação, Carlos Eduardo Xavier, acusou os empresários do RN de sonegadores de impostos que provocam uma perda estimada de aproximadamente R$ 50 milhões, segundo reportagem da Inter TV Cabugi. O auxiliar da governadora Fátima Bezerra (PT) declarou a Tribuna do Norte que o Estado deixa de arrecadar uma fortuna e culpou os empresários atacadistas e varejistas.

Segundo o secretário de Tributação do governo do PT, respondendo a pergunta quais são as áreas principais do Estado que sonegam impostos? Ele aifrmou que ‘o atacado e o varejo. O atacado eu digo mercadorias como cereais, essas coisas. No varejo também são mercadorias, mas também bares e restaurantes. É comum ver alguns estabelecimentos que não entregam a nota fiscal na hora que você paga’.

Nesse sentido, o secretário destacou que “está atuando também, e isso já vem de um projeto que estava em andamento, que é a nota fiscal potiguar. Essa é a nota que você pede o CPF na nota para ter alguns benefícios. Você vai pedindo essa nota, a gente vai carregando a base de dados e a partir daí damos prêmios para os consumidores. Você estimula o consumidor a pedir a nota fiscal, facilitando o trabalho do Fisco. Ajuda muito o incremento da arrecadação”.

Carnaubais é campeã em gastos com saúde no Vale do Açu

Resultado de imagem para gustavo soares e thiago meira prefeito
Médico e prefeito do Assú Gustavo Soares é o que investe menos entre os prefeitos da região

O prefeito de Carnaubais e médico Thiago Meira, é o grande campeão de aplicação de investimentos sobre gastos com saúde por habitante em 2017 entre os municípios do Vale do Açu, deixando envergonhado principalmente o seu colega médico e prefeito do Assú Gustavo Soares que mora em Natal, construiu e se tornou sócio de luxuosa clínica de ortopedia particular em Mossoró.

O Doutor do Assú que não valoriza a saúde pública e ocupa um lugar muito inferior no ranking de investimentos segundo levantamento do Conselho Federal de Medicina, uma completa vergonha para quem diz ser médico e preocupado com a saúde da população.

Com investimento no ano passado de R$ 403, 80 por habitante, o prefeito Thiago Meira dá uma lição de moral ao seu colega e médico Gustavo Soares que gastou apenas R$ 280,62 por habitante, valor bem inferior ao município do Assú.

Prefeito de Itajá gasta mais com saúde que Ipanguaçu e Assú

Resultado de imagem para valderedo e gustavo

O prefeito de Itajá Alaor Pessoa deixou os ‘gestores’ e seus colega de Ipanguaçu e Assu, os prefeito Valderedo Berto e Gustavo Soares, respectivamente, envergonhados com o resultado do levantamento divulgado pelo Conselho Federal de Medicina sobre aplicação de investimentos sobre gastos anual com saúde por habitante em 2017.

A Prefeitura de Itajá gastou em saúde no ano passado R$ 347,36 por habitante, um valor superior ao investido por cada um dos dois colegas das Prefeituras do Assu ( R$ 280, 62) e Ipanguaçu (R$ 346,90).

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: