Joselito Curinga pode ser uma das surpresas nas eleições pro legislativo 2020 em Assú


Com larga experiência à frente do Senac em Assú, uma das entidades que tem marca de excelência registrada em todo o país, sempre sintonizada com as necessidades do mercado, Joselito Curinga, filia-se ao Republicanos em Assú, e promete ser uma das surpresas na disputa por uma vaga no legislativo.

Joselito tem um trabalho reconhecido, quando a frente do Senac, promoveu vários cursos de capacitação, incentivando o mercado local e regional, e que chegou no Republicanos com uma excelente bagagem profissional, para ser uma opção para o eleitorado assuense.

A pré-candidatura de Joselito é algo que a população deve abraçar, já que seu profissionalismo e experiência, o capacitam pra ser um dos melhores nomes nessa disputa pra vereador, e caso ele seja eleito, dará uma cara totalmente nova a casa legislativa.

Coronavírus: RN define 11 hospitais públicos para atendimento em Natal e interior

Durante reunião na manhã desta sexta-feira (13), as secretarias de Saúde de Natal e do Rio Grande do Norte apresentaram os hospitais que serão designados para apoiar no atendimento aos próximos casos de coronavírus na capital e interior. Ao todo, 11 hospitais estão indicados, sendo dois de referência e nove utilizados para a contingência. Ao todo, 1.229 leitos estarão à disposição.

Na reunião, foi exposta a capacidade dos hospitais Giselda Trigueiro e Maria Alice Fernandes, que têm 133 e 85 leitos, respectivamente, com o Giselda Trigueiro dispondo ainda de sete leitos para UTI. Ainda em Natal, também serão utilizados no plano o Hospital José Pedro Bezerra , o Santa Catarina (227 leitos e 10 de UTI), Hospital da Polícia Militar (71 leitos e 10 de UTI) e o Hospital Colônia João Machado (171 leitos).

Para o interior, foram indicados o Hospital Rafael Fernandes, em Mossoró (39 leitos), Tarcísio Maia, também em Mossoró, (147 leitos e 9 UTI), Dr. Mariano Coelho, em Currais Novos (108 leitos e 10 de UTI), Hospital Regional Cleodon Carlos Andrade, em Pau dos Ferros, (69 leitos e 10 UTI), Hospital Regional Telecila Freitas Fontes, em Caicó, (93 leitos e 10 UTI), e o Hospital Deoclécio Marques, em Parnamirim (86 leitos e 10 UTI).

Na opinião do secretário de Saúde do estado, Cipriano Maia, o Rio Grande do Norte está preparado para o avanço nos casos, mesmo já tendo uma rede sobrecarregada.

“Sabemos que no mundo as redes de saúde estão em situação de absoluto estresse e no Brasil já temos uma rede sobrecarregada, mas estamos preparados para o cenário de evolução dos casos. Temos os hospitais de retaguarda e estamos expandido o número de leitos com a convocação de médicos concursados. Caso haja uma evolução maior do que a rede de contingência, temos ainda um plano B, de reativar outras redes, como o Hospital da Polícia, e o plano C, que é expandir a rede de contingência com outros municípios.

Já o secretário de Natal, George Antunes, disse que a rede está preparada pelo plano de contingência e outros planos que podem ser acionados, como chamar mais médicos. “É importante ressaltar que nem todos os casos necessitam de internação. Essa é uma recomendação médica”, explicou.

*Tribuna do Norte

ILÍCITO E IMORAL: Prefeito do Assú usa carro oficial em serviços particulares


O fantoche de prefeito, Gustavo Soares, na maior cara de pau, usa o carro oficial da Prefeitura para serviços particulares, que não tem nada a ver com a agenda do município, mas como o prefeito é mais folgado do que “bolso de paletó”, quando vai atender em plantões em Mossoró ou Natal, utiliza o carro pago com dinheiro do assuense.

Numa clara violação ao princípio da indisponibilidade administrativa, que consiste numa imoralidade, onde se confunde o público com o privado, fato peculiar a administração desastrosa do turista na terra dos poetas, o prefeito usa e abusa do ato ilícito e que causa revolta na população.

Mas o Ministério Público já deve estar de olho, pois como guardião da probidade administrativa e da moralidade, deve investigar além do uso para fins particulares, se o carro é abastecido com combustível pago pelo contribuinte, e caso comprovado, pode além de gerar um processo de improbidade, o prefeito Gustavo poderá ser multado, e obrigado a devolver os valores utilizados, já que foram de forma indevida.

Informações que chegam ao Blog do VT, é que supostamente em uma dessas atividades que nada tem a ver com o cargo de prefeito, ele usou o carro, e na volta, o motorista capotou o carro, e o que se comenta na cidade, é que ninguém saiu ferido, mas nenhuma informação oficial dá conta de quem estava dirigindo, e nem se o prefeito estava no carro ou não, na hora do acidente.

Eleições 2020: termina em maio prazo para eleitor regularizar título

Termina no dia 6 de maio o prazo para que cidadãos que tiveram o título de eleitor cancelado regularizem a situação. Quem não estiver em dia com o documento, não poderá votar nas eleições municipais de outubro, quando serão eleitos prefeitos, vice-prefeitos e vereadores nos 5.568 municípios do país.

No ano passado, 2,4 milhões de títulos foram cancelados porque os eleitores deixaram de votar e justificar ausência por três eleições seguidas. Para a Justiça Eleitoral, cada turno equivale a uma eleição.
Como regularizar o título

Para regularizar o título, o cidadão deve comparecer ao cartório eleitoral próximo a sua residência, preencher o Requerimento de Alistamento Eleitoral (RAE) e apresentar um documento oficial com foto. Além disso, será cobrada uma multa de R$ 3,51 por turno que o eleitor deixou de comparecer. O prazo para fazer a solicitação termina em 6 de maio, último dia para emissão do título e alteração de domicílio eleitoral antes das eleições.

Além de ficar impedido de votar, o cidadão que teve o título cancelado fica impedido de tirar passaporte, tomar posse em cargos públicos, fazer matrícula em universidades públicas, entre outras restrições.

A situação de cada eleitor pode ser verificada no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O primeiro turno será realizado no dia 4 de outubro. Se necessário, o segundo turno será no dia 25 do mesmo mês. Cerca de 146 milhões de eleitores estarão aptos a votar.

Matéria alterada às 8h47 de hoje (6/2) para corrigir informação. Prazo vai até 6 de maio e não até hoje, 6 de março, como divulgado anteriormente.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: