fbpx

ATENÇÃO MP: Prefeitura do Assú vai torrar R$ 12 milhões em palco e som com eleição suplementar na porta

A Prefeitura do Assú, administrada pelo prefeito Gustavo e pela vice Fabielle, não perdem tempo em gastar dinheiro que não são deles e abrem os bolsos para fazer uma lambança com recursos públicos. Mas uma coisa é certa, mesmo estando cassados pela justiça, eles parecem que não vão deixar a prefeitura sem antes cumprirem a missão de deixar ela falida.

O que ninguém entende é que o prefeito e a vice acabaram de sair de uma campanha de reeleição do deputado George, e anunciam uma licitação para contratação de empresa especializada para serviços de sonorização, iluminação, estruturas e demais serviços afins, para atender atividades culturais, religiosas e eventos específicos da Prefeitura Municipal do Assú e custarão aos cofres públicos a bagatela de mais de R$ 12 milhões.

O MP e todos os órgãos de fiscalização devem estar atentos, pois esse montante de mais de 12 milhões de reais referente a 05 lotes, envolve um valor considerado exorbitante, principalmente porque se gastou metade desse valor no São João e já foi extremamente alto.

É necessário que os recursos sejam fiscalizados e o mais importante, numa cidade que falta até esparadrapo, como sobra dinheiro para gastar em uma coisa tão supérflua? Centenas de pessoas estão na fila de exames, consultas e procedimentos há meses, como justificar que não há verba para sanar esses problemas, mas existe para fazer eventos?

Nos grupos de whatsapp não se comenta outra coisa, pois diz um ditado popular, que de onde só se tira e não coloca de volta, se acaba. E tudo isso reflete a realidade, que estão querendo esvaziar os cofres da Prefeitura.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: