Barroso libera no STF ação sobre eleições diretas

Luís Roberto Barroso

Caso deve ser julgado junto com outro processo que tramita no tribunal

Isadora Peron e Breno Pires, O Estado de S.Paulo

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), liberou para julgamento uma ação que trata da possibilidade de realização de eleições diretas em caso de vacância do cargo após dois anos do início do mandato.

O caso deve ser julgado junto com outra ação direta de inconstitucionalidade que tramita na Corte, e foi movida pela Procuradoria-Geral da República (PGR).

Para que as duas ações sejam analisadas pelo plenário, porém, é preciso que a presidente do STF, Cármen Lúcia, inclua o tema na pauta.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: