Deputados cobram mais ações do governo para combate à Covid-19 no interior

Durante sessão ordinária realizada por videoconferência, nesta quarta-feira (29), os parlamentares utilizaram o horário dos deputados para falar mais sobre assuntos de interesse do Rio Grande do Norte, principalmente, requerendo ao Governo do Estado que atue mais incisivamente em alguns municípios no combate ao novo coronavírus.

O deputado Coronel Azevedo (PSC) defendeu a reabertura do Hospital de Canguaretama. “O hospital atende a vários pacientes daquela região, por isso solicito ao governo que promova a reabertura. Já foram mais de R$70 milhões passados ao estado e municípios. O motivo do fechamento foi falta de higiene, então não é possível que não haja recurso para resolver isso”, disse.

O parlamentar Getúlio Rêgo (DEM) falou sobre o óbito ocorrido na UPA de Santo Antônio, em Mossoró, de um senhor que deu entrada na unidade de saúde, na terça-feira (28), à noite, com insuficiência respiratória e houve um agravamento na madrugada. O deputado contou que, segundo a secretária de Saúde de Mossoró, Maria da Saudade Azevedo, o caso era tão grave que não havia possibilidade de remoção e o paciente veio a óbito. Getúlio aproveitou para pedir à Secretaria de Saúde do Estado, mais uma vez, que acelere as providências para ampliar o atendimento em Pau dos Ferros e, também, disponibilizar respiradores em Apodi e Caraúbas.

Já a deputada estadual Cristiane Dantas (SDD) comentou a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que determinou que o estado do Rio Grande do Norte não pode proibir o fechamento dos estabelecimentos comerciais aos domingos e feriados. “Essa decisão foi divulgada hoje e acho que isso beneficia as empresas que precisam manter seus comércios”.

A parlamentar também se mostrou preocupada com a necessidade de abertura de novos leitos de UTI. “Venho aqui também fazer esse apelo ao Governo do Estado que a preocupação maior não deve ser com o fechamento desses estabelecimentos, mas sim no que diz respeito aos leitos de UTI e, também, à aquisição de equipamentos de EPI (equipamentos de proteção individual) para os trabalhadores”. Ela defendeu, inclusive, o uso de máscaras pelos trabalhadores de banco, “tanto pra não serem contaminados, nem para passarem para os clientes”.

Outros assuntos também foram levantados na ocasião. A deputada Isolda Dantas (PT) voltou a defender o projeto de lei apresentado por ela e levado à questão pelo deputado Kelps Lima (SDD). De acordo com ela, vários estados já têm a delegacia virtual e o processo legislativo nesses lugares não se deu por decreto e sim por projeto de lei. “Esse projeto não é inconstitucional e não cria despesa, até porque ele trata de remanejamento de funções de servidor. Queria insistir na defesa dele para que ele possa ser votado urgentemente”, explicou.

O deputado Sandro Pimentel (PSOL) optou por tratar do último acontecimento relacionado ao professor nomeado reitor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) pelo Ministério da Educação (MEC), Josué Moreira. Ele contou que o servidor resolveu processar o candidato eleito reitor, o professor José Arnóbio de Araújo Filho, bem como o jornalista do portal Saiba Mais, Rafael Duarte, e pedir a retirada do ar da matéria veiculada no site sobre o assunto.

“O reitor interventor achou pouco aceitar ser reitor, sem nenhuma autoridade, agora decidiu atacar a imprensa que noticia a absurda intervenção que sofre uma das mais importantes instituições do RN, que é o IFRN. Josué sabe muito bem que a verdade é implacável, por isso tenta acusar a imprensa. O país não deve permitir essa atitude que fere de morte a nossa democracia. Josué foi indicado pelo MEC e é um cabo eleitoral do General Girão, do Partido Social Liberal (PSL). Ele foi nomeado sem ter nenhum voto e não aceita crítica. Deixo minha solidariedade ao jornalista Rafael Duarte e aos integrantes da imprensa de uma forma geral que têm mostrado essa situação crítica”.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: