fbpx

Fátima: R$ 8 milhões para Cultura, mas sem recursos para sanitização das escolas

A governadora Fátima Bezerra (PT) anunciou nesta sexta-feira (17) que o Governo do RN vai ampliar para R$ 8 milhões os recursos disponíveis para financiar a Lei Câmara Cascudo em 2021. Este é o maior montante aplicado no projeto pelo Estado desde o seu início, há 21 anos. O dinheiro é oriundo de renúncia fiscal do ICMS de empresas que aderiram ao programa. Mas, no mesmo dia em que celebrou o “investimento” cultural, a gestora cobrou mais recursos federais para a educação, “hoje insuficientes”.

“É Lamentável que o Governo Federal não tenha assumido a liderança do processo de segurança sanitária nas escolas públicas, à mercê dos recursos obrigatórios, hoje insuficientes, e com um único repasse com foco na pandemia, o PDDE emergencial, que não atende às necessidades dos Estados e Municípios”, disse a governadora durante o lançamento da Agenda da Aprendizagem 2021-2022, que reúne os temas considerados prioritários pelos gestores da área para o biênio.

Mas, enquanto diz faltar dinheiro para Educação, a governadora decidiu abrir o cofre potiguar para os eventos culturais. “Nosso governo tem o compromisso de respeitar os artistas potiguares. Mesmo com todas as dificuldades enfrentadas no contexto da pandemia, sabemos que a Cultura é uma das principais ferramentas para o engrandecimento de um povo. É imensamente gratificante para mim ter sido autora do Projeto de Lei, quando era deputada estadual, que deu o pontapé para a criação da lei que há 21 anos incentiva o setor cultural do Rio Grande do Norte”, disse a governadora Fátima Bezerra.

Fonte: Portal Grande Ponto

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: