Gabriel preso pela Polícia Federal vendeu para governo do prefeito do Assú Gustavo Soares

Gabriel preso pela Polícia Federal do RN, vendeu também para a Prefeitura do Assu

O Ministério Público Federal (MPF), Polícia Federal (PF) e a Controladoria-Geral da União (CGU) deflagraram na manhã desta quinta (28) a Operação Tiro.

A operação teve alcance principalmente em Natal e Parnamirim.

Ao todo, foram expedidos pela 15ª Vara da Justiça Federal sete mandados de busca e apreensão e um mandado de prisão preventiva, além de decretado o sequestro de bens das pessoas físicas e jurídicas envolvidas.

O preso é proprietário da empresa Artmed Comercial Eireli (veja AQUI), Gabriel Delanne Marinho. Ele trabalha no comércio atacadista de instrumentos e materiais para uso médico, cirúrgico, hospitalar e de laboratórios.

A imagem pode conter: 6 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé e terno
Prefeito Gustavo Soares que aparece com seu irmão e líder do governo, deputado George Soares, gastou mais de meio milhão de reais com empresário preso hoje pela Polícia Federal

O citado empresário Gabriel Delanne Marinho ja trabalhou para a Prefeitura do Assu durante o governo do prefeito Gustavo Soares, irmão do deputado do PR e líder do governo na Assembléia, George Soares, do PR. Ele prestou serviço durante os anos de 2017 e 2018.

Crimes

Dentre os crimes investigados encontram-se desvio de recursos públicos, dispensa indevida de licitação e lavagem de capitais.

As investigações revelaram que recursos públicos na ordem de R$ 269.999,97, oriundos de emenda parlamentar e destinados ao município de Touros/RN, foram utilizados para o pagamento de empresa de fornecimento de insumos, a qual, contudo, não realizou a efetiva entrega dos materiais.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: