fbpx

GESTÃO TAPURU: Prefeitura do Assú pode perder Aeródromo apenas por incompetência e má vontade de George Soares

A novela sem fim do Aeródromo de Assú parece que estar perto de um desfecho final, já que a Prefeitura do Assú mesmo tendo sido informada da necessidade de realização de manutenções básicas, como cerca, vegetação alta, entre outros, preferiu se calar, e o deputado George também nem se importa.

Todos sabem que a gestão do prefeito Gustavo e da vice Fabielle, orientados pelo deputado George, além de incompetentes, agem com maldade, pois há muitos meses que as pessoas criticam e alertam, mas a Prefeitura do Assú faz ouvido de mercador.

Gustavo e Fabielle acreditam que esse Aeródromo não serve para nada, mas esquecem que Assú é uma cidade pólo e sedia a Paróquia da Irmã Lindalva, que já atrais fiéis, e tudo isso poderia ser trabalhado para que gerasse um crescimento econômico maior na cidade, além de ter ricas terras propícias pra fruticultura, dentre outros potenciais.

Além de tudo isso, o Aeródromo ainda servia para pousos de aeronaves do governo do Estado, e poderia ser alvo de investimentos de empresas privadas que venham a atuar na região.

Gustavo e Fabielle estão sendo lembrados pelo povo como a “gestão Tapuru” em alusão aos tapurus que são encontrados nas comidas servidas na UPA, e bem que o slogan cai bem, pois eles tem infectado a saúde emocional e física das pessoas, ao não prestarem um serviço de qualidade na saúde e na assistência, e pra completar, ainda estão destruindo tudo que poderia significar crescimento e desenvolvimento na cidade.

O slogan também respingou no deputado “tapuru” George Soares, porque ele não resolve nada e a cidade do Assú só perde.

E ainda Dizem que até as placas de sinalização de localização do aeródromo estavam encostadas na secretaria municipal há muito tempo, e a gestão nunca ligou.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: