Nelter cobra ações de combate ao mosquito Aedes Aegypti na região Seridó

O deputado estadual Nelter Queiroz (MDB) esteve em audiência na tarde desta quinta-feira (2), no Centro Administrativo do Estado, com a governadora Fátima Bezerra (PT) e com o vice-governador Antenor Roberto (PC do B). A pauta do encontro girou em torno de um possível surto de Dengue, Zika e Chikungunya causada pela alta incidência do mosquito Aedes Aegypti em municípios da região Seridó.

Cobramos da governadora Fátima que o Governo do Estado realize junto ao Ministério da Saúde e municípios seridoenses [que estão em situação de risco para surto do Aedes Aegypti] ações imediatas e eficazes visando o combate do mosquito”, disse Nelter, mostrando sua preocupação em relação aos resultados obtidos através do primeiro Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti (LIRAa) realizado este ano.

O LIRAa é um instrumento fundamental para o controle do Aedes Aegypti, bem como da Dengue, Zika e Chikungunya. Com base nas informações coletadas, os bairros onde estão concentrados os focos de reprodução do mosquito, bem como o tipo de criadouro predominante podem ser indentificados. O objetivo é que, com a realização do levantamento, os órgãos competentes tenham melhores condições de planejar as ações de combate e controle do mosquito.

De acordo com o Levantamento, na região Seridó, apenas os municípios de São Fernando e São José do Seridó apresentaram índices “satisfatórios”, onde há o baixo risco de surto das doenças caudadas pelo Aedes. Já os municípios de Santana do Seridó e Tenente Laurentino Cruz, apareceram em estágio de “alerta”, onde existe o risco médio de surto.

A grande preocupação do parlamentar diz respeito aos municípios de Acari, Bodó, Caicó, Carnaúba dos Dantas, Cerro Corá, Cruzeta, Currais Novos, Equador, Florânia, Ipueira, Jardim de Piranhas, Jardim do Seridó, Jucurutu, Lagoa Nova, Ouro Branco, Parelhas, Santana do Matos, São João do Sabugi, São Vicente, Serra Negra do Norte e Timbaúba dos Batistas, que, segundo o LIRAa, apareceram em situação de “risco” de infestação do vetor, onde há a grande probabilidade de ocorrer surto de Dengue, Zika e  Chikungunya.

Na manhã de hoje, Nelter Queiroz esteve na sede do Instituto do Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (IDEMA) onde teve papel fundamental na renovação da Licença de Operação da Susa Indústria e Comércio de Produtos Minerários, empreendimento localizado entre os municípios de Cruzeta e Florânia e que gera em torno de 100 empregos na região.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: