fbpx

STJ manda soltar Nuzman

Bruno Kelly

A Sexta Turma do STJ decidiu há pouco, por unanimidade, soltar o ex-presidente do COB Carlos Arthur Nuzman. A decisão, porém, inclui medidas cautelares.

A ministra Maria Thereza determinou o comparecimento mensal de Nuzman em juízo para informar e justificar as suas atividades, proibiu o acesso às sedes ou filiais do Comitê Rio 2016 e COB, e o contato com os demais réus.

Também mandou Nuzman entregar seus passaportes e não deixar a comarca do Rio.

O ex-presidente do COB está desde o início do mês em Benfica. Foi acusado pelo MPF-RJ de participar de esquema de compra de votos para a escolha do Rio de Janeiro como sede dos Jogos Olímpicos de 2016.

Na semana passada, o desembargador Abel Gomes, do TRF-2, negou um pedido de habeas corpus impetrado pela defesa de Nuzman. As informações são do colunista Lauro Jardim/O Globo.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: