Vereadora Fabielle Bezerra participa da Associação de Mães e Amigos de Autista do Vale do Assu – AMAAVA

O universo autista no Brasil chega a dois milhões de pessoas. A Organização Mundial de Saúde revela que uma em cada 160 crianças no mundo são afetadas pelo autismo.A carência de políticas pública reflete também no preconceito enfrentado por autistas e familiares.

A vereadora Fabielle Bezerra abraçou essa causa recentemente, junto aos familiares e suas crianças com Transtorno do Espectro Autista. Já está em vigor a lei, de iniciativa de seu mandato, que institui e inclui no calendário oficial de eventos do município a “Semana Municipal da Conscientização sobre o Transtorno do Espectro Autista.”

A vereadora também criou outra Lei importantíssima para a propagação do conhecimento sobre o autismo, que ainda carece de ampla divulgação e efetivação, lei que dispõe sobre a inserção, nas placas de atendimento prioritário, do símbolo mundial do autismo.

Essas leis servem de conscientização acerca do tema, e o grande foco no tratamento do TEA é orientar as famílias, bem como professores e demais profissionais que precisam de ajuda para compreender e saber lidar com crianças portadoras de autismo, para que estas se desenvolvam e consigam interagir nos ambientes que frequentam e com as pessoas com as quais convive.

Como apoiadora da causa a vereadora Fabielle Bezerra participou na tarde deste sábado dia 26/11 da primeira reunião da AMAAVA ( Associação de mães e amigos de autistas do Vale do Assú), que visa apresentar para as mães de autistas e demais colaboradores, todos os benefícios que a associação vai oferecer, e na oportunidade aconteceu à palestra da advogada Marília Vieira sobre o projeto de lei PL 3803/2019. O encontro teve como tema: BEM VINDOS A AMAAVA.

O evento que aconteceu na Câmara Municipal do Assú. e contou com a participação de seus idealizadores: Thais Patrícia, Niedja Mery, Arenuzia Melo, Pricilla Emanuella, Marlon Gledson, Paula Freitas, Gissele Nepomuceno e Fabielle Bezerra, foi um grande passo dado e uma nova perspectiva de conhecimento acerca do tema está sendo desenvolvida, seguindo os princípios dos direitos humanos, incentivando o pleno exercício da cidadania de pessoas com o Transtorno do Espectro Autista

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: