Violência Sexual contra a Mulher é tema de Fórum na Maternidade Escola Januário Cicco.

Refletir sobre a Rede de Atenção Intersetorial e os rebatimentos para o Serviço Social é um dos compromissos do evento.

Na próxima quinta-feira, 25, a Maternidade Escola Januário Cicco, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (MEJC-UFRN), promove um Fórum em comemoração ao Dia do Assistente Social, 15 de maio, às 13h no Anfiteatro Prof. Leide Morais.

O evento, cujo tema é “Violência sexual contra a mulher: refletindo sobre a Rede de Atenção Intersetorial e os rebatimentos para o Serviço Social, objetiva a socialização das atribuições do Serviço Social no âmbito da saúde da mulher em específico a violência sexual que ela sofre e a contribuição da classe na construção de um trabalho interdisciplinar em busca de uma maior resolutividade das demandas atendidas.

Embora muitos avanços tenham sido alcançados com a Lei Maria da Penha (Lei nº 11.340/2006), ainda assim, hoje, contabilizamos 4,8 assassinatos a cada 100 mil mulheres, número que coloca o Brasil no 5º lugar no ranking de países nesse tipo de crime.

Usando dados do Ministério da Saúde, o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) analisou os registros de violência sexual e concluiu que 89% das vítimas são do sexo feminino e em geral têm baixa escolaridade. Do total, 70% são crianças e adolescentes. Em metade das ocorrências envolvendo crianças, há um histórico de estupros anteriores. 70% dos estupros são cometidos por parentes, namorados ou amigos/conhecidos da vítima.

A programação do Fórum será composta de uma palestra com a temática “Violência Sexual contra a mulher: rebatimentos para o Serviço Social”, ministrada por Maria Ilidiana Diniz da UFRN, e duas mesas redondas. A primeira traz o tema:“Rede de Atenção Intersetorial no cuidado às mulheres vítimas de violência”, sob o comando de Ana Claudia Aguiar, Diretora do Departamento de Enfrentamento à Violência contra a Mulher da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) e de Janice Queiroz, psicóloga da maternidade e a segunda com o tema “O Programa de Atendimento às Mulheres Vítimas de Violência Sexual no RN”, mediada pela Assistente Social do PROAMA/MEJC, Melissa Araujo e por Virgínia Maria Peixoto de Souza  responsável pelo Programa de Atendimento às vítimas de Agressão Sexual (PAVAS).

As inscrições são gratuitas e devem ser feitas até o dia 24 de maio, pelo link: https://goo.gl/forms/BdY5v7EGzRIgNgRk2

A Mejc é uma das três instituições do Rio Grande Norte filiadas à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), estatal vinculada ao Ministério da Educação que administra atualmente 39 hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do SUS, e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

Serviço:

Evento: I Fórum de Serviço Social
Tema: Violência sexual contra a mulher: refletindo sobre a Rede de Atenção Intersetorial e os rebatimentos para o Serviço Social”
Data: 25 de Maio
Hora às 13h
Local: Anfiteatro Prof. Leide Morais
Link de Inscrição até 24 de Maio: https://goo.gl/forms/BdY5v7EGzRIgNgRk2
Realização: Maternidade Escola Januário Cicco
Mais informações: Serviço Social da MEJC: 3215-5987​

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: