fbpx

Presidente da Assembleia solicita ao TRE reforço na segurança das eleições 2020

Buscar soluções efetivas para combater a onda de violência ocorrida no interior do Estado durante as campanhas eleitorais. Esse foi o objetivo da reunião realizada na manhã desta quarta-feira (11), na sede da Assembleia Legislativa do RN, entre o presidente, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), e o presidente do Tribunal Regional Eleitoral do RN (TRE-RN), desembargador Gilson Barbosa.

“Considerando as repetidas notícias veiculadas em nosso Estado, dando conta de constantes atos de violência ocorridos nas cidades de Ipanguaçu, Parelhas, Martins, Assu e Serra de São Bento, ocasionados pela disputa eleitoral do próximo dia 15 de novembro, venho à presença de Vossa Excelência solicitar a requisição de reforço policial para as referidas localidades, com o objetivo de que se garanta a paz, a ordem e o Estado de Direito ao escrutínio que se aproxima”, solicitou Ezequiel Ferreira.

O desembargador Gilson Barbosa, então, mostrou-se preocupado e engajado em garantir a democracia e o direito do cidadão de fazer sua livre escolha nos 167 municípios do Estado.

Ainda de acordo com o deputado Ezequiel, o presidente do Tribunal informou que o órgão já está tomando as devidas providências em diversos municípios do interior, muitos deles, inclusive, citados em pronunciamentos dos parlamentares ao longo das sessões.

“Justifica-se reforço não apenas da Polícia Militar, mas também de tropas federais, com agentes da Polícia Federal atuando para garantir um pleito absolutamente democrático, garantindo ao povo o seu direito e a liberdade de escolher quem julgar ser o melhor candidato”, concluiu Ezequiel Ferreira.

José Dias destaca preocupação com violência na campanha eleitoral

Em pronunciamento na manhã desta quarta-feira (11), em sessão plenária pelo sistema híbrido (presencial e remoto), o deputado José Dias (PSDB) manifestou a sua preocupação com os índices de violência na campanha política do Rio Grande do Norte, que no próximo domingo (15) vai eleger os prefeitos municipais para um mandato de quatro anos.

“Evidentemente estamos vendo um comportamento que dá muita preocupação. O que está ocorrendo é de profunda gravidade. Embora não seja alarmista, mas manifesto aqui minha grande preocupação com as enormes concentrações que estão acontecendo nessa campanha e realização de festas públicas, o que é crime nesse período de pandemia”, asseverou o deputado José Dias.

Segundo o parlamentar, o que está acontecendo não deveria existir num processo democrático, onde uma eleição não é uma guerra, onde se luta com o adversário até destruí-lo.

“Numa eleição a gente escolhe um candidato em que acredita que vai ser o melhor para trabalhar pelo povo em vários setores. Uma pessoa honesta e que tenha capacidade para esse trabalho. Tem gente que se preocupa com quem tem um pouco mais de dinheiro. Nesse processo, a corrupção é um vírus como esse da pandemia. E a incompetência está destruindo o nosso Estado”, concluiu o deputado.

TORRANDO DINHEIRO DO POVO: Prefeita “cabide” de Triunfo Potiguar gastou mais de 70 mil reais de diárias

Enquanto alguns optam em priorizar áreas essenciais para população carente, que é a saúde, educação e segurança, a prefeita Lúcia Estevam de Triunfo Potiguar, faz o contrário, priorizando seus caprichos e deixando a população sem nada.

A prefeita Lúcia Estevam que é mais conhecida que farinha na feira, por utilizar a prefeitura como cabide de emprego, vem gastando dinheiro com diárias sem nenhuma “vergonha na cara”. Para os leitores entenderem, a prefeita já gastou mais de 70 mil reais de diárias nos últimos três anos e meio.

No seu primeiro ano de mandato, ela gastou R$ 14.400,00 mil reais, em 2018 ela bateu o recorde com mais de R$ 27 mil reais, e 2019 R$ 24.600,00, e mesmo com a pandemia decretada de Março a Setembro, ela já gastou esse ano R$ 4.200,00.

A cidade de Triunfo tem quase 4 mil habitantes, e torrar dinheiro do cidadão com diárias é uma afronta aos princípios da moralidade, pois até hoje, a prefeita “cabide” Lúcia Estevam, já gastou mais em diárias do que ganha como prefeita do município.

George Soares garante divulgar pesquisa “arranjada” para que o desânimo não invada sua militância


O deputado estadual George Soares mostra a cada dia, que o seu jeito de fazer política só gera indignação e vergonha, pois segundo informações que chegam ao Blog, o parlamentar arranjará uma pesquisa para ser divulgada, mostrando que Gustavo está na frente.

A intenção do deputado “latinha” é fazer com que sua militância não desanime, e que ninguém mais defenda Gustavo no dia da eleição, pois tudo indica, que essa campanha será igual a de 2012, quando Ivan Júnior ganhou contra um Soares, com uma maioria jamais vista na cidade, mais de 10 mil votos.

A militância da gestão municipal está cabisbaixa, e ninguém mais acredita que Gustavo ganhe essa campanha, e só uma coisa pode impedir que esse desânimo se alastre por todo o grupo, que é divulgar uma com dados “fictícios”.

O que foi acertado pelo jacaré Ronaldo, George e Gustavo, é que tem que ter a qualquer custo, essa pesquisa para que a militância termine pelo menos a campanha, mas a verdade que eles sabem, é que essa parada já é certa, e Ivan Júnior será o novo prefeito da cidade.

PARTE III: Os malefícios da oligarquia e a consequência do abandono e ausência do prefeito Gustavo em Assú

O filho de Ronaldo Soares, Gustavo Montenegro Soares se elege prefeito do Assú e assume em 2017 seu primeiro mandato, em que prometeu céus e terra ao povo, e garantiu que cuidaria do município, e ao contrário de tudo que pregou, ele continuou sua vida profissional, com isso, abandonou a gestão da cidade, por luxos em academias e restaurantes caros na capital do estado.

Com a ausência e deixando a gestão pra sua família cuidar, a cidade do Assú se viu abandonada pelo Doutor e encurralada pela tirania de Ronaldo e George Soares, que mandavam e desmandavam a seu “bel prazer”.

O descaso foi tão grande, que faltava merenda nas escolas, medicamentos e profissionais nas unidades de saúde. Além disso, não obteve reconhecimento com os servidores municipais, pois não havia melhorias nas escolas e nas ruas, e o mais importante, faltava respeito com o povo do Assú que o elegeu prefeito. E a cada dia, aumentavam as críticas na cidade, e sem nada para fazer na capital, Gustavo dedicava tempo nas redes sociais para bater boca
com a população que não tinha os serviços básicos e reivindicavam seus direitos.

O bate boca de Gustavo com as pessoas aumentava e com isso a rejeição do povo também. Então, chega o novo corona vírus, e em meio ao caos que todo o mundo vive, o prefeito tira 30 dias de férias, e deixa a cidade sem UTI e desaparece como se fosse algo normal. Além de dar férias a secretária municipal de saúde na época, Viviane Fonseca, a mesma que ganhou de presente do deputado George, a cessão para trabalhar em Natal, sendo ela do município do Assú.

Depois dos 30 dias de descanso, Gustavo retorna, e assume que não será candidato a reeleição porque não é político. Iria preferir cuidar da sua profissão. Então, seu grupo liderado pelo deputado George Soares e encurralado por não ter um nome pra disputar com o ex prefeito Ivan, fica desesperado e forçam a candidatura de Gustavo à reeleição, que não passa de fantoche, e é forçado a ser candidato e mentir mais uma vez pro povo do Assú.

A ausência de 04 anos do prefeito Gustavo, deixando a gestão sob o comando de Ronaldo e George, favorecendo a população uma perspectiva sem esperanças, triste e sofrida, porque até para obter o básico, as pessoas tinham que se humilhar e eram desrespeitadas diariamente, pela equipe que seguia à risca a ineficiência do prefeito ausente.

O aspecto da cidade é de abandono, com uma economia que enfraquece por falta de prioridades na gestão marcada pela ausência. E assim, a população perde muito já que o prefeito Gustavo ia a cidade apenas nas quintas – feiras, de um total de 1460 dias nos 04 anos, ele visitou Assú apenas 192 dias, mas recebeu integralmente o salário todos os meses.

Assú perdeu sua dignidade com o desrespeito do prefeito ausente Gustavo Soares, pela sua negligência e todo o abandono a que foi submetida pelo filho do jacaré, que só sabe proferir mentiras e o velho blabláblá de uma oligarquia que perdura há mais de 40 anos, sem nenhuma ação pro povo, favorecendo apenas seus familiares e agregados.

Exclusivo: Vamos derrubar dívida pública em 2021 com privatizações, diz Guedes

O ministro da Economia, Paulo Guedes

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse à CNN nesta quarta-feira (11) que sua declaração de que o Brasil pode “ir para uma hiperinflação muito rápido se não rolar a dívida pública satisfatoriamente” foi apenas um “alerta” para tentar destravar as privatizações no Brasil e, assim, usar os recursos obtidos com a venda de estatais para reduzir essa dívida.

“É um alerta para agirmos na pauta das privatizações. Derrubamos a relação dívida-PIB no primeiro ano de governo. A Covid-19 empurrou a relação para cima neste ano. Vamos derrubar a relação dívida-PIB em 2021. Para isso, vamos acelerar o programa de privatizações”, disse o chefe da equipe econômica à coluna.

De 2018 para 2019, a dívida bruta do governo brasileiro foi de 76,5% para 75,8% do PIB, a primeira queda registrada em seis anos. Em setembro deste ano, porém, essa dívida já alcançou 90,6% do Produto Interno Bruto brasileiro, e economistas já preveem que esse percentual deverá chegar a 100% muito em breve.

Guedes tem prometido privatizar quatro estatais até dezembro de 2021: a Eletrobras, os Correios, PPSA (Pré-sal Petróleo) e o Porto de Santos. Questionado sobre quanto essas privatizações poderiam abater da dívida pública, Guedes afirmou que o tema deveria ser tratado com o secretário especial de Desestatização, Diogo Mac Cord.

Leia maisExclusivo: Vamos derrubar dívida pública em 2021 com privatizações, diz Guedes

PESQUISA SENSATUS: Marineide Diniz tem 41,3% dos votos válidos e venceria eleição em Carnaubais

Mais uma rodada de pesquisa eleitoral, na região do Vale do Açu pelo Instituto Sensatus em parceria com o Blog Celso Amâncio. A mais recente sondagem aconteceu no dia 07 de novembro, no município de Carnaubais, onde a prefeita Marineide Diniz (DEM) aparece bem em todos os cenários, onde se distancia dos adversários, com possibilidade real de vencer as eleições no dia 15 de novembro.

De acordo com a pesquisa, onde foram ouvidas 449 pessoas, sendo 49% na zona urbana e 51% na zona rural, Marineide Diniz aparece com 41,3% dos votos válidos, Doutor Thiago com 34,0%, o professor Nicolau com 23,9% e o candidato Kennedy Macedo com apenas 0,8% dos votos válidos.

Na pergunta espontânea, onde o entrevistador não apresenta o nome do candidato ao eleitor, a prefeita Marineide também lidera, sendo apontada na preferência de 36,1% do eleitorado pesquisado. Em segundo lugar, aparece Doutor Thiago com 29%, seguido do professor Nicolau com 20,2%, enquanto o candidato Kenedy Macedo obteve apenas 0,7% das intenções de votos e 11,5% não souberam responder. O percentual de 1,6% votou branco/nulo e 0,9% não responderam a pergunta.

Certeza do voto

Sem fatos novos, o cenário da pesquisa deverá se confirmar nas urnas 15 de novembro. Isso porque 78,9 % dos entrevistados disseram que não vão mudar o voto na reta final. Apenas 8,5% cogitam mudar a escolha.

A pesquisa tem margem de erro é de 4,5% pontos percentuais para mais ou para menos e está registrada sob o protocolo RN-03272/2020.

Com informações do Blog Celso Amâncio

Nelter Queiroz puxa orelha do coronel George Soares e desafia para que ele não fuja do embate

O deputado estadual com 8 mandatos no RN, Nelter Queiroz, marcou sua trajetória política pela coragem e por não ter papas na língua, e não poderia ser diferente na noite da maior movimentação política da história do Assú, em que o povo saiu as ruas para mostrar que quer Ivan Júnior de volta no comando da Prefeitura.

O parlamentar afirmou que quando o povo tem força, tem vez e voz, para eleger o melhor para Assú, e criticou as atitudes do deputado George Soares, já que ele é conhecido como um coronel em todo o estado, e no discurso, Nelter desafiou ao coronel, que ele leve a governadora Fátima pro Assú, e que se ele tivesse alguma apostinha, podia vir, e ainda alertou: “Não corra não deputado”.

Segundo comentários na cidade, o deputado George Soares tem incentivado a prática de apostas, para que seu eleitor aposte as vezes até um carro ou moto que é sua sobrevivência, mesmo sabendo que a vitória no dia 15 não será do seu irmão, conforme tem apontado várias pesquisas.

Nelter ainda fez duras críticas ao governo do estado e gestão municipal, por não darem a assistência na saúde que a população precisa e merece, mostrando total descaso e falta de respeito pela vida das pessoas.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: