Haddad é vaiado por petistas ao citar viúva de Eduardo Campos e Paulo Câmara em comício

Em outros trechos de sua fala, sobretudo quando citava o ex-presidente Lula, foi bastante aplaudido.

Em coro, o Paulo Câmara foi chamado de golpista.

O governador apoiou o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) em 2016.

Em Pernambuco, a vereadora Marília Arraes (PT) acabou sendo retirada da disputa após acordo nacional entre o PT e o PSB.​ (João Valadares – Folha de São Paulo)

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: