fbpx

Ex-morador de rua supera vício em drogas e conquista 920 pontos na redação do Enem em Teresina

Alexandre Camilo atingiu 920 pontos na redação do Enem 2020 — Foto: Arquivo Pessoal

Após viver anos no mundo das drogas e ir parar nas ruas, Alexandre Camilo, de 55 anos, é exemplo de superação. Além de se livrar do vício, ele se casou e agora atingiu 920 pontos na redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020: “Quero ser professor de letras”.

Alexandre é carioca e foi para Fortaleza (CE) em busca de novas possibilidades, mas tornou-se dependente de drogas e viveu nove meses em situação de rua, antes de mudar-se para Teresina. A mudança de vida começou ao conhecer a Pastoral do Povo da Rua de Teresina, entidade credenciada à Coordenadoria Estadual de Enfrentamento às Drogas do Piauí (Cendrogas-PI).

Há dois anos, ele passou de usuário de drogas para colaborador da Pastoral, onde ajuda na recuperação de dependentes químicos. Graduado em biologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e com mestrado em Ecologia e Recursos Naturais pela UFSCar, o objetivo de Alexandre agora é cursar Licenciatura Plena em Letras Português, para dar continuidade ao seu trabalho como escritor.

“Eu sou autor de um livro de poesias, lançado em 2020, e estou com outro quase pronto. Agora eu vou ter a possibilidade de entrar novamente na universidade, melhorar o meu português. Estou correndo atrás dos meus sonhos: ter uma família e escrever”, contou.

Para o coordenador da Pastoral, padre João Paulo, o resultado de Alexandre é um incentivo à missão de acolher os moradores de rua. “É uma grande alegria e realização para nós da Pastoral ver a superação e evolução dos nossos acolhidos que estavam nas ruas. É o êxito do nosso trabalho sendo concretizado”, disse.

Segundo Alexandre, a pontuação na prova já era esperada. “Eu tinha certeza de que havia feito uma boa redação, mas quando a gente vê o resultado, se surpreende. Já tenho um curso superior, e infelizmente, ao longo do tempo, a vida nas drogas acabou me tirando tudo. Mas estou dando a volta por cima”, declarou.

Durante a preparação para o exame, Alexandre contou com o auxílio de livros e internet.

“Minha preparação foi através de videoaulas e um livro de gramática. Ter uma nota expressiva em uma prova tão concorrida quanto o Enem é uma satisfação muito grande, um reconhecimento da minha força de vontade e perseverança”, comemorou.

Com informações G1

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: